Homem que atirou contra a nuca de policial civil é condenado a 18 anos de prisão

Os tiros acertaram o braço e o abdômen da vítima, 'por engano' já que o verdadeiro alvo era outro.

| CANALDAQUI


Levado a julgamento por uma dupla tentativa de homicídio, incluindo contra um policial civil, Sérgio Rodrigues Romeiro foi condenado a 18 anos de prisão, em Aquidauana, município a 135 quilômetros de Campo Grande.

A sentença foi proferida pelo Juiz Ronaldo Goçalves Onofri, da Vara Criminal, da Infância e Juventude do município. A condenação equivale às penalidades da dupla tentativa de execução, com as qualificadoras de motivo torpe e recurso que impossibilitou a defesa das vítimas, além do porte ilegal de armas e munições.

O caso - Os dois crimes ocorreram no mesmo dia em 09 de junho de 2016. Nesta data, por volta das 19h35, Sérgio atingiu dois disparos em Edgar Leite Silva em uma lanchonete na Rua Carlos Ferreira Bandeira, no bairro Ovídio Costa I, em Aquidauana. Os tiros acertaram o braço e o abdômen da vítima, 'por engano' já que o verdadeiro alvo era outro.

Em seguida, nas proximidades da Escola Dom Aquino, Sérgio Rodrigues, após se esconder no porta-malas de sua ex-esposa, foi surpreendido pelo policial civil Paulo André Ferreira Cunha e durante um desentendimento, acabou acertado a nuca do agente. Apesar da gravidade do ataque, ambos sobreviveram.


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE