Trio invade chácara e leva R$ 200 mil em materiais de construção

| ALANA PORTELA E HELIO DE FREITAS, DE DOURADOS / CAMPO GRANDE NEWS


Casa teve portas e janelas retiradas pelo grupo que furtava materiais do local (Foto: Divulgação)

Três homens foram presos em flagrante após invadirem chácara e furtarem R$ 200 mil em materiais de construção. O caso aconteceu ontem (26), em Dourados, 233 quilômetros de Campo Grande. Eles foram identificados como Genésio Tardim, 42, Diego Henrique da Silva, 30, e Wesley Soares Leonardo, 27.

Segundo informações do boletim de ocorrência registrado na Polícia Civil, a vítima de 45 anos chegou na chácara e viu o momento que o trio estava desmanchando as construções, retirando os materiais de sua propriedade e colocando em um caminhão. Ao ver a cena, ligou para a Guarda Municipal.

Ao perceberem que foram flagrados, os ladrões entraram em um caminhão e fugiram.

Quando os guardas chegaram no local, a vítima relatou que os materiais levados eram da construção de um mangueiro, galpão, lanchonete e uma casa. Ela ainda contou que o total do prejuízo era de R$ 200 mil.

Veja o vídeo:

Durante a conversa com a vítima, os guardas viram um caminhão passando próximo ao local e fizeram a abordagem do veículo, onde encontraram o trio que tinha cometido o furto.

Na carroceria do veículo foram achados 160 tábuas de peroba, blindex, janelas, vigas, motosserra, pés de cabra, marreta, alicate, chaves de fenda e outros.

Aos guardas um dos autores contou que trabalha com compra de madeiras e objetos de casas, e que o dono de um depósito de Naviraí o procurou pedindo que fosse até a chácara buscar os materiais de construção.

O autor ainda falou que recebeu o valor do combustível para ir até a chácara. No entanto, antes de ir até o local, contratou outros dois homens para o ajudar a carregar os materiais.

O trio foi preso em flagrante e levado até a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Dourados, e deve responder por furto qualificado mediante concurso de pessoa e também por furto mediante a destruição.

*Matéria alterada às 8h30 para acréscimo de informações.


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE