Estudantes reclamam de comida em restaurante de universidade

Empresa que administra o local terá que prestar informações

| CORREIO DO ESTADO


UFMS poderá rescindir contrato com empresa que administra RU - Foto: Divulgação/UFMS

Após reclamação de alunos sobre a qualidade das refeições servidas Restaurante Universitário da UFMS, a pró-reitoria de Administração e Infraestrutura (Proadi) e a pró-reitoria de Assuntos Estudantis (Proaes) notificaram a empresa que administra o local e deram 24 horas para prestar esclarecimentos sobre o assunto. 

A administração central decidirá pela suspensão ou não do contrato, a partir dos argumentos apresentados.

“Precisamos ser muito cautelosos nesse momento. Uma suspensão no contrato implica no fechamento do restaurante por pelo menos quatro meses, até nova licitação. A nossa preocupação é não prejudicar os estudantes que dependem da alimentação oferecida no RU. Estamos atentos e vamos tomar as medidas necessárias”, explicou a pró-reitora da Proaes, Ana Rita Barbieri Filgueiras.

Não foi divulgado o número de refeições que é produzido diariamente no restaurante, que atende estudantes do campus da Capital, além de docentes. Também não foi informado o valor do contrato.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE