Sábado, 18 de novembro de 201718/11/2017
(67) 98186-1999
Muito nublado
24º
33º
36º
Teresina - PI
Erro ao processar!
POLÍTICA
Eleitorado confuso entre gestor experiente e 'xerife' para governo
Para Antonio João, existe nítida divisão das pessoas sobre perfil do futuro governador
Jornalista Aparecido Francisco Mato Grosso do Sul - MS
Postada em 09/11/2017 ás 14h49
Eleitorado confuso entre gestor experiente e 'xerife' para governo

Antonio João atribui a situação financeira do Estado ao cenário econômico nacional - Foto: Arquivo/Correio do Estado

Último levantamento do Instituto de Pesquisas de Mato Grosso do Sul (Ipems), divulgado pelo jornal Correio do Estado, mostra o eleitorado confuso em relação aos nomes apresentados até o momento para a vaga de governador.


De um lado estão aqueles que dão preferência ao “gestor experiente”, do outro, os eleitores que preferem radicalizar, apostando na imagem de um “xerife” para comandar o Estado.


Se as eleições fossem hoje, o ex-governador André Puccinelli (PMDB) e o ex-juiz federal Odilon de Oliveira disputariam o segundo turno.


No confronto direto, conforme a última pesquisa, Puccinelli é o preferido de 36,84% dos eleitores, seguido por Odilon, com 29,72%.


Para o ex-senador Antonio João Hugo Rodrigues, é nítida a divisão entre aqueles que votariam em um “bom gestor” e os que prefeririam um “xerife”.


“As pessoas estão divididas, algumas querem André Puccinelli como governador justamente porque ele fez uma boa gestão, e outras estão mais interessadas em ter a imagem de um xerife no comando do governo estadual”, opinou.


Segundo ele, a figura do juiz é vista por muitas pessoas como aquele que poderia “consertar o estrago que se encontra o Estado”.


Mas, na verdade, a situação atual do governo de Reinaldo Azambuja (PSDB), de acordo com Antonio João, é apenas decorrência do cenário nacional.


“Na verdade, o governo estadual pode até ser culpado por alguma coisa, mas a crise econômica do País foi mais pesada do que tudo e acabou gerando uma situação difícil para todos os Estados”. 

FONTE: Correio do Estado
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium