Segunda, 25 de março de 2019
(67) 98186-1999 - [email protected]
Polícia

14/03/2019 ás 08h19 - atualizada em 14/03/2019 ás 08h25

24

Aparecido Francisco

Mato Grosso do Sul / MS

Agentes penitenciários são torturados por membros do PCC em rebelião
O agente Luís Aveiro teve vários cortes no rosto e pelo corpo e foi o primeiro a ser resgatado
Agentes penitenciários são torturados por membros do PCC em rebelião
O agente Luís Aveiro teve vários cortes no rosto e pelo corpo e foi o primeiro a ser resgatado

Quatro agentes penitenciáriosu ficaram feridos ao serem torturados, 66 tarde (11) durante rebelião de integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital) no presídio de Concepción, PY, cidade que fica a 200 km da fronteira com Mato Grosso do Sul.






O agente Luís Aveiro teve vários cortes no rosto e pelo corpo e foi o primeiro a ser resgatado. Os detentos usaram facas artesanais para ferí-lo. Os outros três reféns, David Cardozo, Manuel Farias e Carlos Ojeda também passaram por seção de tortura. Todos os agentes foram encaminhados para o Hospital Regional de Concepción, mas nenhum deles corre risco de vida.


Os supostos integrantes do PCC também tiveram apoio de internos paraguaios durante a rebelião, conforme o site Porã News. O nome dos internos que lideraram o motim ou o número de internos envolvidos não foi divulgado pelas autoridades do Paraguai.

FONTE: Campo Grande News

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium