Segunda, 15 de outubro de 2018
(67) 98186-1999 - [email protected]
Geral

29/08/2018 ás 11h00

48

Aparecido Francisco

Mato Grosso do Sul / MS

Novos horizontes: Sesi leva ensino gratuito de robótica a crianças carentes
O Sesi acredita ser possível fazer com que crianças e adolescentes passem a, desde cedo, gostar de ciências e tecnologia.
Novos horizontes: Sesi leva ensino gratuito de robótica a crianças carentes
Novos horizontes: Sesi leva ensino gratuito de robótica a crianças carentes

Marcus Alexandre, 7 anos, não vê a hora de começar a aprender robótica. Acompanhado dos pais, a dona de casa Mara Cristina e o vendedor autônomo José Carlos, ele viu pela primeira vez os robôs de Lego que as escolas do Sesi utilizam durante as aulas e que agora também serão levados à escola dele, a Irma de Lima de Matos, uma instituição pública de ensino localizada no município de Maracaju, interior de Mato Grosso do Sul.


A poucos quilômetros dali, em Terenos, os pequenos robôs de Lego também encantam crianças carentes de 7 a 11 anos que, em uma das 44 bibliotecas da Indústria do Conhecimento do Sesi espalhadas por 40 cidades do Estado, têm aulas gratuitas de programação por meio da robótica. Desta forma, o Sesi acredita ser possível fazer com que crianças e adolescentes passem a, desde cedo, gostar de ciências e tecnologia.


 “De maneira lúdica, por meio da construção e programação de robôs feitos com peças de Lego, é possível promover o ensino de ciência, tecnologia, engenharia, artes e matemática no ambiente escolar, o que contribui para o desenvolvimento de uma infinidade de competências e habilidades comportamentais para a vida. As aulas estimulam o trabalho colaborativo, a criatividade e trazem desafios do mundo real para os alunos”, afirmou a gerente de educação do Sistema Fiems, Simone Cruz.


Cultura empreendedora


A metodologia de ensino inovadora e inclusiva do Sesi chamou a atenção do PhD em Engenharia Geomática, Mohamed Elhabiby, presidente e desenvolvedor da RoboGarden, uma plataforma online responsável por levar o ensino de robótica e programação a escolas de mais de 120 países, incluindo as do Sesi de Mato Grosso do Sul.


“As crianças são os melhores recursos que um país pode ter e, muitas vezes, o talento delas fica adormecido por falta de oportunidade. Este projeto do Sesi, de levar robótica gratuitamente para crianças de escolas públicas ou sem recursos para pagar por um curso, contribui para criar no Brasil uma cultura empreendedora, o que vai gerar desenvolvimento e riquezas para a nação”, disse Mohamed depois de visitar a Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi em Terenos.


Lá, assim como em outras 40 cidades do Estado, mais de 9 mil crianças já receberam ensino gratuito de robótica desde que o projeto foi implantado nas bibliotecas da Indústria do Conhecimento do Sesi, em 2014. A RoboGarden, que agora passa a integrar a grade curricular dos alunos das escolas do Sesi, também estará disponível, a partir do ano que vem, em todas as bibliotecas da Indústria do Conhecimento do Sesi no Estado.


A robótica no bairro BNH


Em Maracaju, as aulas de robótica da Escola do Sesi serão levadas à Escola Municipal Irma de Lima de Matos, localizada no Bairro BNH. A ação, fruto de uma parceria com o Sicredi, garantirá que 30 crianças, de 6 a 8 anos de idade, tenham acesso à robótica durante dois anos.


Os robôs de Lego tomaram conta da Câmara de Vereadores de Maracaju, onde o projeto de robótica foi apresentado aos alunos da Irma de Lima Matos pela diretora da Escola do Sesi de Maracaju, Jaqueline Santana. “Não sabia que era possível aprender robótica com tão pouca idade. Mas, pelo que ouvi, meu filho vai não só ganhar conhecimento, mas vai melhorar o comportamento em casa, ser mais focado e organizado. É uma oportunidade muito boa que deram para nós”, apostou Mara Cristina, mãe de Marcus Alexandre.


De fato, Mara Cristina pode esperar grandes mudanças no filho. “A robótica estimula o raciocínio lógico; em casa, ajuda a criança a ser mais organizada, na sala de aula, facilita a assimilação de conteúdo, além de estimular a criatividade e o senso de trabalho em equipe”, elencou a diretora Jaqueline Santana sobre os benefícios da robótica para a formação das crianças e adolescentes.


O Sesi adota a robótica educacional em sala de aula desde 2006. Atualmente, todas as 459 escolas da instituição que atuam com ensino fundamental e médio no Brasil, sete delas em Mato Grosso do Sul, nos municípios de Campo Grande, Três Lagoas, Dourados, Corumbá, Aparecida do Taboado e Naviraí ofertam a robótica.


Serviço - Mais informações sobre as escolas do Sesi pelo site www.sesims.com.br/escola/


Leia mais no site www.fiems.com.br ou pelo link http://www.fiems.com.br/noticias/novos-horizontes-sesi-leva-ensino-gratuito-de-robotica-a-criancas-carentes/27013

FONTE: Fiems/Daniel Pedra

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium