Quinta, 18 de outubro de 2018
(67) 98186-1999 - [email protected]
Saúde

30/04/2018 ás 10h06

73

Aparecido Francisco

Mato Grosso do Sul / MS

Hospital Regional de cirurgias iniciará atendimento à população
Expectativa é de que cerca de 200 procedimentos sejam realizados mensalmente.
Hospital Regional de cirurgias iniciará atendimento à população
Hospital Regional de cirurgias iniciará atendimento à população

Depois de ficar fechado por quase 16 meses, o Hospital Regional de Cirurgias da Grande Dourados (HRCGD), está pronto para voltar à ativa. Após assumir a gestão da unidade, o Grupo de Apoio à Medicina Preventiva e à Saúde Pública (GAMP), iniciou um intenso trabalho de reestruturação. Nesta sexta-feira, 27 de abril, o novo modelo de gestão a ser implementado no Hospital foi apresentado a autoridades pela controller nacional do Grupo GAMP, Michele Rosin.


O Hospital, voltado a cirurgias de baixa e média complexidade, conta com 22 leitos e oferecerá atendimento em sete especialidades: urologia, ortopedia, ginecologia, otorrinolaringologia, oftalmologia e cirurgia geral, em procedimentos de baixa e média complexidade. Além disso, estarão disponíveis exames de raio-x, eletrocardiograma, ultrassom, endoscopia e colonoscopia. A regulação das cirurgias eletivas é feita pelo SUS e a expectativa é de que sejam realizados cerca de 200 procedimentos por mês.


GRUPO GAMP


O Grupo de Apoio à Medicina Preventiva e à Saúde Pública (GAMP) é uma Organização de Saúde que atua desde 2006 na prestação de serviços junto a governos municipais e estaduais. A OS atua em várias regiões do Brasil, se destacando pela gestão transparente, capacidade de administração de equipamentos de saúde e recursos públicos com responsabilidade.


Com sede na capital paulista, atualmente está presente no Mato Grosso do Sul, São Paulo e Rio Grande do Sul, onde é responsável pela gestão de quatro unidades de saúde em Canoas, Região Metropolitana de Porto Alegre: o Hospital Universitário (HU), o Hospital de Pronto Socorro (HPSC) duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e quatro Centros de Atenção Psicossocial (CAPS).

FONTE: Dourados Agora

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium